Home
Museu do Ciclo do Couro

Museu do Ciclo do Couro

O ciclo do couro é revisitado com homenagem a um dos artistas e mestres da cultura que inspira criatividade e que passou a ser conhecido nacionalmente com seus trabalhos nas passarelas de moda do Brasil. Seu nome é Espedito Seleiro, quem realiza o sonho de levar ao memorial um encontro de gerações, desde o seu avô ao pai, passando pela sua própria experiência de vida, para contar a história do ciclo do couro no Cariri.

Localizado no município cearense Nova Olinda, o museu traz os percursos feitos no caminho das boiadas pela rota Nordeste iniciada no século XVII, na Casa da Torre, na Bahia, por Garcia D’Ávila, adentrando o sertão até chegar Cariri Cearense. Foram caminhos percorridos pelos fotográfos Augusto Pessoa e Helio Filho, representando através de belas imagens caminhos, atalhos e pontos de apoio dos comboieiros. O projeto conta com o trabalho de Alemberg Quindins – Curadoria,  Rosiane Limaverde – Arqueologia Histórica, Lis Cordeiro- Expografia.

Para Alemberg Quindins, o ciclo do couro traz uma grande representatividade para o Nordeste em determinado momento, principalmente no que diz respeito à economia e ao desenvolvimento, sem falar na grande contribuição cultural e social.

O projeto cultural tem parceria também com o Geopark Araripe, por meio da Associação Espedito Seleiro.